Apresentação
O curso permite a obtenção de competências nas diversas áreas da gestão, designadamente nas áreas financeira, do marketing, da estratégia, da produção e operações e dos recursos humanos, mas também da ética empresarial, do empreendedorismo e da inovação. 

Objetivos

O Mestrado em Gestão Empresarial tem como principais objetivos complementar a formação académica de base dos profissionais da gestão com uma experiência relevante no mercado de trabalho, mas também proporcionar uma nova formação científica e profissionalizante a licenciados com particular interesse nesta área do saber.

Funcionamento

As estratégias pedagógicas usadas no curso de mestrado são variadas e complementares, destacando-se o recurso a aulas expositivas e participativas, a utilização de aplicações informáticas, o recurso a estudos de caso, os trabalhos em grupo e os seminários de especialistas convidados.

A avaliação em todas as unidades curriculares que compõem o curso englobará obrigatoriamente uma prova escrita individual. A avaliação poderá contemplar outras componentes de avaliação.

Apesar do português ser a língua de funcionamento corrente do curso, alguma da bibliografia recomendada, bem como o material explorado nas aulas, poderá ser em língua inglesa.

Corpo Docente

A Faculdade de Economia da Universidade do Algarve dispõe de um corpo docente próprio, com elevada qualificação em diversas áreas disciplinares relevantes para o Mestrado em Gestão Empresarial. Muitos dos nossos docentes pertencem a centros de investigação classificados pela Fundação para a Ciência e Tecnologia com Muito Bom. Para além dos docentes da Faculdade de Economia, colaboram no curso Professores oriundos da Escola Superior de Gestão Hotelaria e Turismo da Universidade do Algarve e, ainda, de outras instituições nacionais e internacionais de reconhecido prestígio, o que permite elevar ainda mais a qualidade científica do curso oferecido.

Apresenta-se, seguidamente, uma breve biografia dos docentes que colaboram no Mestrado em Gestão Empresarial:

Carla Amado é detentora do grau de Doutor em Estudos Industriais e de Gestão pela Universidade de Warwick (Reino Unido) e do grau de Mestre em Economia e Econometria atribuído pela Universidade de Manchester (Reino Unido). É Professora Auxiliar na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve. Atualmente é também membro integrado do Centro de Estudos Avançados em Gestão e Economia e coordenadora de um dos polos deste centro de investigação. Participa em diversos projetos de investigação nacionais e internacionais, incluindo estudos com investigadores de vários países europeus. Os seus principais interesses de investigação são na área de avaliação e melhoria do desempenho organizacional, tendo publicado alguns dos seus trabalhos de investigação em jornais internacionais tais como o European Journal of Operational Research, o Omega – The International Journal of Management Science, o Health Care Management Science, o Health Policy e o Journal of the Operational Research Society.

Carlos Cândido é professor auxiliar na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve e membro integrado do centro de investigação CEFAGE. É também diretor do curso de Mestrado em Economia da Inovação e Empreendedorismo. O professor Carlos Cândido é detentor do grau de mestre em Gestão, Estratégia e Desenvolvimento Empresarial pelo Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL), e do grau de doutor em Gestão Estratégica pela Sheffield Hallam University. Os seus principais interesses de investigação são na área da gestão estratégica e gestão da qualidade, e os seus trabalhos têm sido publicados em revistas científicas nacionais e internacionais, incluindo a International Journal of Operations & Production Management, a Total Quality Management & Business Excellence e o Journal of Management & Organization. É também autor do livro “Estratégia Empresarial – Conceitos, Processos e Instrumentos”, da editora Sílabas & Desafios.

Cristina Viegas é professora auxiliar na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve e diretora do Mestrado em Management. Detém o grau de mestre em Gestão pela Universidade Técnica de Lisboa e o grau de doutor em Gestão (Finanças e Contabilidade) pela Universidade do Algarve. Os seus principais interesses de investigação são na área das finanças e tem publicado alguns dos seus trabalhos em revistas científicas nacionais e internacionais tais como o Quantitative Finance e o The Journal of Risk Finance.

Dora Agapito é Professora Auxiliar Convidada na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve e membro da direção do Mestrado em Gestão de Organizações Turísticas e do Mestrado em Design de Comunicação para o Turismo e Cultura na UAlg. É doutorada um Turismo, na vertente Gestão, mestre em Marketing e licenciada em Ciências da Comunicação. É investigadora no Centro de Investigação sobre o Espaço e as Organizações (CIEO), autora e revisora em diversas publicações científicas nacionais e internacionais. Os seus atuais interesses de investigação situam-se nas seguintes áreas: comportamento do consumidor, marketing sensorial, marketing social e marketing turístico.

Efigénio Rebelo é professor catedrático na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve e membro do CIEO. É também presidente do conselho científico da Faculdade de Economia e diretor do Programa de Doutoramento em Ciências Económicas e Empresariais. É detentor do grau de mestre em Economia e Econometria pela Universidade de Manchester, e do grau de doutor em Economia, com especialização em Econometria, pela Universidade do Algarve. Os seus principais interesses de investigação são na área dos Métodos Quantitativos aplicados à Economia e à Gestão e tem publicado alguns dos seus trabalhos em jornais internacionais tais como Communications in Statistics, Theory and Methods e o International Journal of Business Science and Applied Management.

Eugénia Ferreira é professora auxiliar na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve e é diretora do Mestrado em Gestão Empresarial. É doutorada em Estatística Multivariada pela Universidade de Salamanca e membro do CIEO. A sua investigação prende-se com a aplicação de métodos de estatística multivariada para a construção de segmentos e perfis em várias áreas científicas. Tem publicações em revistas nacionais e internacionais e já participou em vários estudos de interesse para a sociedade.

Fernando Cardoso, é licenciado em Economia e em Gestão de Empresas pela ESESE / Évora e Mestre em Ciências Empresarias pelo ISCTE. Tem ainda um Mestrado Executivo em Ativos e Mercados Financeiros também concluído no ISCTE e um Programa de Direção de Empresas na AESE/IESE (U. Navarra).  Foi CFO executivo de várias empresas na área imobiliária, financeira (banca de investimentos), industrial e de serviços no decurso da sua carreira profissional. Atualmente é professor auxiliar convidado da Faculdade de Economia da Universidade do Algarve, professor convidado do IDEFE (ISEG) e é Visiting Professor na NOVAFORUM (Nova School of Business and Economics). Membro do CIEO, é proprietário de uma empresa de consultadoria. As suas principais áreas de interesse são: Banking Industry, Corporate Finance, Corporate Governance e Family Firms.

Guilherme Castela é professor auxiliar na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve e membro do CIEO, centro classificado com Muito Bom pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia. O professor Guilherme Castela é detentor do grau de doutor em Estatística pela Universidade de Salamanca e especialista em análise multivariada de dados. Os seus principais interesses de investigação prendem-se com a aplicação de métodos quantitativos e qualitativos nas áreas da gestão da saúde, estratégia, marketing, turismo e sociologia.

Helena Almeida é professora auxiliar na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve e membro do CIEO. É detentora do grau de doutor em Psicologia Organizacional e é especialista nas áreas da gestão estratégica de recursos humanos e comportamento organizacional.  Os seus principais interesses de investigação relacionam-se com a transferência do conhecimento, ecossistemas empreendedores, empowerment e inovação. É autora de inúmeros artigos publicados em revistas internacionais com processo de revisão e de capítulos de livros internacionais. É ainda autora de livros científicos nacionais como “Gestão dos Recursos Humanos – Da Estratégia à Prática“, “Comportamento Organizacional”, “O Potencial Motivador do Trabalhador”   e “Design em Portugal”.

Luiz Montanheiro é professor, em part-time, na Sheffield University e Sheffield Hallam University. É detentor do grau de mestre em Economia pela University of Bath. Os seus principais interesses de investigação são nas áreas da gestão estratégica e da ética empresarial. Tem coordenado parceiras académicas/universitárias em apoio à Britannia School of Business em Sheffield-UK. Tem publicado vários artigos em revistas científicas internacionais, sendo também autor de livros e capítulos de livros. Fez parte da direção do MBA oferecido pela Sheffield Business School. É editor-chefe e membro do conselho editorial de várias revistas científicas internacionais.

Patrícia Pinto é professora associada com agregação e membro da direção do curso de Mestrado em Gestão de Marketing e do Programa de Doutoramento em Turismo na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve. É detentora do grau de doutor em Métodos Quantitativos Aplicados à Economia e à Gestão pela Universidade do Algarve e vice presidente do CIEO. Os seus principais interesses de investigação prendem-se com a aplicação de métodos estatísticos e modelação a várias áreas do conhecimento. É autora de várias publicações em revistas científicas nacionais e internacionais de renome incluíndo no Tourism Management, Journal of Business Research e Communications in Statistics-Theory and Methods

Sérgio Santos é professor associado na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve e membro integrado do Centro de Estudos e Formação Avançada em Gestão e Economia (CEFAGE). É Doutor em Gestão/Investigação Operacional pela Universidade de Strathclyde (Reino Unido), Mestre em Economia e Econometria pela Universidade de Manchester (Reino Unido) e Licenciado em Gestão de Empresas pela Universidade do Algarve. É diretor do curso de Mestrado em Gestão de Unidades de Saúde e docente convidado do ISCTE Business School no programa de doutoramento em Business Administration. Os seus principais interesses de investigação são na área de controlo de gestão e avaliação do desempenho organizacional, tendo publicado alguns dos seus trabalhos em jornais internacionais de renome tais como o European Journal of Operational Research, Omega – The International Journal of Management Science, Journal of Management & Organization, Management Decision, Health Care Management Science, Health Policy, Journal of the Operational Research Society, Total Quality Management and Business Excellence e International Journal of Operations and Production Management.

Sílvia Fernandes é professora auxiliar na Faculdade de Economia da Universidade do Algarve e membro integrado do CIEO - Centro de Investigação sobre o Espaço e as Organizações. É doutorada em Economia da Informação pela mesma faculdade. Leciona unidades curriculares como Tecnologias de Informação, Sistemas de Informação, Economia da Inovação e Empreendedorismo e Inovação em licenciaturas e mestrados. Publicou vários trabalhos relacionados com tecnologias e inovação em atas de conferências e congressos e em revistas nacionais e internacionais tais como a European Planning Studies, a Technology in Society, o Journal of Technology Management & Innovation e a Revista Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação.  

Propinas e taxas 2021/2022

Candidatos nacionais: 3250 Euros (1.º ano - 2250 Euros; 2.º ano - 1000 Euros)

Candidatos internacionais*: 4000 Euros (1.º ano - 2250 Euros; 2.º ano - 1750 Euros)

Taxa de candidatura: 50 Euros

Taxa de Inscrição e Seguro Escolar: 175 Euros

Nota: A propina deste curso pode ser paga em 10 prestações, sendo a primeira no ato da matrícula e as restantes nos meses de outubro, novembro, dezembro, janeiro, fevereiro, março, abril, maio e junho.
 

* de acordo com o Decreto-lei n.º36/2014, alterado pelo Decreto-Lei nº 62/2018, de 6 de agosto, são considerados estudantes internacionais os nacionais de um estado que não seja membro da União Europeia e que residam legalmente em Portugal há mais de dois anos, de forma ininterrupta, em 1 de janeiro do ano em que pretendem ingressar no ensino superior.

As candidaturas aos cursos de Mestrado são efetuadas através do Portal Académico.
 
Saídas Profissionais

Desempenho de funções nas diversas áreas da gestão, designadamente nas áreas financeira, do marketing, da estratégia, da produção e operações e dos recursos humanos, mas também da ética empresarial, do empreendedorismo e da inovação.